cãs

vi tuas mãos enrugadas, manchadas, velhas
em máquina de escrever
ou lápis e caderno

cabelos branquinhos
sussurrando versos
firmes como pedras

Cora Coralina!
Cora Coralina!
ilumina este povo triste
quase sem poesia

Léo

3 comentários em “cãs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s