leitura

ler estrelas no céu, um corpo, luz
as entrelinhas, um gesto,
um sorriso alegre ou de escárnio

identificar Diadorim assassinada
todos os dias
e ainda cair em prantos

decifrar um poema que conta
a própria dor
e não se sentir só

saber que o livro é um produto,
uma mercadoria,
e ler além.
a mercadoria questionando 
o mundo dos negócios

leitura de outro ponto de vista,
povos, cultura,
como se fosse um parente, um amigo, um amor

percorrer uma orquestra
e sentir que,
se a humanidade parasse para ouvir,
guerras cessariam
e a bailarina, contando 
sua história em movimentos
curaria nossas feridas

deslizar de mansinho,
com sofreguidão,
páginas e mais páginas

e, quem não tem caderno,
grita nos muros

Léo  
Publicidade

Um comentário em “leitura

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s