coalho

céu coalhado de nuvens
árvore coalhada de flores
amarelas
eu coalhada de sentimentos
díspares

peito apertado
por tanta coisa que não vinga

como leite coalhado
que se poderia fazer um doce
e é jogado fora

como crisálida cristalizada pelo tempo
e a borboleta não vem

Léo

6 comentários em “coalho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s